3.6.16

Afinal, como são os aniversários das princesas brasileiras?

Infelizmente a Família Imperial Brasileira não tem o costume de divulgar fotos oficiais das crianças durante a comemoração dos aniversários. 

Eu imagino que sejam festas bem simples. Por que afirmo tal coisa?

Vejam as fotos dos bolos dos últimos matrimônios realizados na família.

Casamento da Amélia de Orleans e Bragança e Alexandre James Spearman. Imagens do blog Falando de Casamento:



Lindo, simples e singelo, com apenas dois andares. Fiquei encantada com a delicadeza do monograma.

No casamento dos nobres Maria Elisabeth de Orleans e Bragança e Pablo Trindade, o bolo foi um pouco maior, mas sem perder a simplicidade. Imagens retiradas do blog da Constance Zahn:


Recentemente, as redes sociais ficaram repletas de fotos do aniversário de 5 anos da filha do jogador Kaká. O bolo gigantesco (e de verdade!) saiu pronto de Goiânia e seguiu num automóvel refrigerado até São Paulo, assim como boa parte da festa.

As imagens são do Instagram da decoradora:


Não só o bolo, mas todo o evento é mais detalhado e caro que as recepções de casamento das princesas brasileiras! Não existem argumentos para defender o uso de um quitute de 6 andares numa festinha de criança.


Segundo alguns sites de notícia, tudo isso foi inspirado no mundo das princesas. Oi?

Verdadeiras princesas sabem que um chocolate vale bem mais que uma embalagem. Quem precisa de um invólucro descartável que tem mais elementos que os bolos de casamento da Família Imperial Brasileira? À beira de um abismo surreal,  a inversão de valores parece mesmo não ter limite:


Uma combinação cafona complexa: renda guipure, fita de cetim, pedra falsa plástica, dezenas de cristais, acrílico recortado com laser e 3 camadas de papel. Quase todos os elementos são importados da China.

Será que esse grande espetáculo artificial não distorce o significado da comemoração?

Eu ainda acredito que podemos seguir bons exemplos como a última festa de aniversário da pequena princesa Leonore da Suécia. 

Um conto de fadas da Disney não consegue ser mais belo que essa realidade:



Nossos filhos merecem viver momentos reais e singelos assim!

Bom fim de semana,

Luana

14 comentários:

  1. Realmente não dá pra comparar... E dinheiro nem sempre vem com bom gosto, a pessoa tem todas as condições de fazer uma festa fofa, olha os exemplos da Decoração do Baile, mas opta pelo cafona.
    Tenho comentado que antes esse tipo de festa com exagero, luxo e ostentação só se via nos 15 anos, hoje virou algo banal.
    Pelo visto o sentido das coisas não fazem mais sentido para muitos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marília, que saudades do tempo em que as festas eram simples e a menina só ganhava uma comemoração cafona aos 15 anos! rsrsrsrs

      Um beijo!

      Excluir
  2. Eu não sei o que vai ser dessas crianças se optarem por ter festa de casamento um dia. Nada vai ter graça diante dessas festas faraônicas que tiveram durante a vida toda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dany, também não sei! Mas torço muito para que sejam adultos diferentes dos seus pais!

      Um beijo!

      Excluir
  3. Está tão over que parece desfile de escola de samba com tema "Maria Antonieta". Nas escolas de samba eles também têm esse costume de usar um monte de material importado da China. Lindos exemplos que você nos trouxe para desmontar o circo carnavalesco. Muito obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahaha, o duro é que é verdade! Exemplos são sempre a melhor forma de fazer o mundo enxergar o exagero!

      Um beijo!

      Excluir
  4. Como sempre concordo plenamente com vc.

    ResponderExcluir
  5. As fotos do aniversário da princesa Leonore são maravilhosas!

    Sobre a a festa da filha do Kaká, há que se lamentar... porque, mesmo que o tema seja do agrado da criança, é óbvio que a festa não foi feita para ela, mas para sair na mídia e se igualar (ou rivalizar) com outras comemorações de seus amigos famosos. Uma pena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia ser mesmo isso, no entanto, parece que a festa da Isabella não saiu do bolso do Kaká, tampouco da mãe Caroline Celico. Segundo algumas amigas que trabalham nessa área, a decoradora Candice Fragoso e seus fornecedores fizeram a festa em troca de divulgação. Se aconteceu mesmo isso (o que já é uma prática comum na área), a festa é faraônica, mas não atende a demanda natural porque a mãe da criança foi procurada pela decoradora. Cria-se a demanda através de uma família famosa que se submete ao papelão, afinal, a audiência gosta de copiar.

      Um beijo!

      Excluir
    2. Não tinha pensado nesta possibilidade, mas é muito, muito verossímil. Fiquei mais atordoada ainda!

      Excluir
  6. kkkkkkkkkkkk...tô aqui passando mal de rir com a "festinha" da princesa kakazinha. Juro que achei que era piada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De tão inacreditável, você achou que fosse piada. Não, não é... rsrsrs.

      :*

      Excluir
  7. "Quase todos os elementos importados da China"! É a estética Joaosinho Trinta! Vou ter pesadelo com uma pistola de cola quente vindo "nimim" pregar paetês e tule inflamável... Jesus do céu, princesas são chiques, antes de qq outra consideração! Bjs, amiga!
    Ione

    ResponderExcluir